segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Guia da Jana: Orlando - Hospedagem

Demorei tanto pra escrever sobre a minha primeira viagem a Orlando que já fui lá de novo, então prepare-se para posts meio esquizofrênicos com mil assuntos misturados. Resolvi separar por tema e por viagem pra tentar facilitar quando forem coisas mais específicas. Essa série também poderia se chamar "Como Economizar em Orlando" porque OLHA, virei coupon freak profissional!
Falar sobre isso é um marco bem importante pro blog porque, afinal, foi uma das coisas que eu mais quis a vida toda. Sério, quase toda. Desde os 6 anos, quando aprendi a escrever cartinhas pro Papai Noel, que "quero ir pra Disney" (pra mim só tinha isso lá!) entrava na lista. Criança chata detected. Culpa daqueles vídeos de propaganda dos parques que colocavam no final das fitas de desenho, certeza!



Viagem Outubro/2012: All Star Movies
Ele é um dos hotéis do complexo Disney. Achei uma excelente escolha na época, já que era minha primeira vez! Lá você fica completamente imerso nesse universo e tem todo o suporte necessário. A minha intenção era mesmo viver uma experiência Disney, então nem me preocupei em ficar perto do fervo da International Drive, dos parques do Universal e das compras (achava que não ia comprar...hohoho).
Quase todos os hotéis do complexo tem transporte gratuito direto do aeroporto de Orlando, o Disney's Magical Express, que nada mais é do que um ônibus mágico mesmo. Você entra ali e já pensa "tô na Disney". Tem até animador e quando passa pelo pórtico do complexo é um fuzuê só! Delicioso! Só é meio chato ter que ficar esperando o seu ônibus chegar em pé, numa fila giga, ainda mais depois de horas de voo, mas faz parte. Quanto mais barato o seu hotel (tem uns super luxuosos), mais gente vai ter na fila. Também tem ônibus do hotel pra Downtown Disney e pra todos os parques. Nesses só peguei fila na volta, mas acho que era porque sempre saía com o parque fechando.

Lobby com as filas de check in.

 Com Mommy Poderosa esperando o ônibus.

Quando se faz a reserva direto no site disneyworld.disney.go.com normalmente as diárias são mais baratas e ainda aparecem umas promoções bem legais. Só não dá pra parcelar! Também é possível usufruir das promoções quando você usa uma agência de turismo autorizada aqui no Brasil (no meu caso, a CVC), mas tem que pesquisar e perguntar antes, pois eles costumam não avisar (ou sequer saber) dessas coisas. Peguei uma oferta que dava direito ao Quick-Service Dining Plan, plano de alimentação contendo duas refeições e um lanche por dia (falo mais sobre isso num post futuro), disponíveis nos hotéis e nos parques do complexo. Cada pessoa também ganhava uma caneca fofa pra usar na lanchonete do hotel, onde tem uma ilha com vários tipos de bebida à vontade (quem não tem a caneca pode comprar a bebida da vez na lanchonete e pegar no mesmo lugar com um copo descartável). Isso tudo saiu de graça pra todos os dias da minha estadia. Foi muita economia! Do tipo que eu não gastei um centavo por 5 dias, a não ser comprando bobagens nas lojinhas e me senti ryca no final da viagem.

Ilha das bebidas. Saudades do chocolate quente gordura pura!

Lanchonetes - Quem não tem o Dining Plan e quer a caneca refil, é só pegar numa dessas gôndolas e pagar nos caixas à direita.

Área das mesas

O quarto tinha duas camas de casal bem confortáveis, climatização, frigobar e wi-fi grátis. A pia do banheiro ficava pra fora, separada do quarto por uma cortina. Vi muita gente reclamando disso em reviews do hotel, mas pra mim foi ótimo porque como estávamos em três mulheres, enquanto uma tomava banho (o banheiro em si tem porta normal), a outra usava o espelho pra se maquiar etc.
Lá os quartos ficam separados por blocos, ligados por uma área externa bonitinha que tem jardins, estátuas de personagens e as áreas comuns tipo piscinas e lavanderias. Ficamos no bloco Mighty Ducks, que é um dos mais distantes do bloco da recepção, ponto de ônibus e lanchonete, além da estética sem gracinha do prédio com aquelas máscaras de hockey. Tentei mudar quando fiz o check in, mas estava lotado, não teve como. Pelo menos conseguimos o frigobar, que na época não tinha em todos os quartos. A pior parte foi caminhar nessa área externa pra entrar e sair do quarto nos dias que estava frio porque de manhã cedinho e a noite a temperatura era bem diferente de quando estávamos nos parques e as roupas não ficavam exatamente compatíveis.

 Participação especial dos amigos Roberts aí pra representar o frio matinal hauahauha.




Bloco dos Dálmatas, onde eu queria ter ficado. Deu pra perceber? Nem tirei foto do Mighty Ducks!

Viagem Agosto/2013:
Tive bem menos tempo pra planejar essa viagem, então o preço foi um dos fatores decisivos pra escolher o hotel (quanto mais próximo à viagem, mais difícil é encontrar espaço nos hotéis baratos e bacanas). Não estava em época de promoção nos hotéis Disney e como queríamos alugar o carro desde o primeiro dia pra explorar mais a cidade fora dos parques, não era muita vantagem ficar lá. Fuçando na internet atrás de promoções, fui parar num fórum onde uma funcionária do InterContinental Hotels Group divulgava o seu link preferencial para reservas de amigos e parentes. Fiz a reserva pelo link pro Holiday Inn Express & Suites da International Drive e pensa num desconto! Muito melhor que qualquer hoteis.com da vida! Jamais esquecerei Shelby Jones, especialmente quando estiver programando as próximas férias.

Preciso me lembrar de tirar mais fotos dos hotéis! Nessa da pra ver só a hidro e um pedacinho da cama, mas o quarto era bem grande.

O hotel é super organizado, limpo, bem localizado e os funcionários são sempre bem educados (alguns da recepção falam Português). O quarto tinha uma king size, hidro, microondas, wi-fi e frigobar. Posso falar? Tudo maravilhoso! Não tenho nada pra reclamar desse lugar. Perfeito do check-in ao check-out.
As diárias incluíam um café da manhã bem digno, servido próximo ao lobby. Algumas coisas não eram repostas, tipo os biscuits (um pãozinho gordurento) que eu amo e morria de raiva quando acabava antes de eu chegar, mas o resto era só pedir pra algum funcionário da cozinha.

Algumas opções do café!

Na recepção tem uma vendinha de coisas úteis, tipo sabão em pó e comidas de micro-ondas. Bem mais caro que no mercado, mas quebra o galho. Afinal quem lembra de comprar sabão em pó no Walmart com tanta coisa mais interessante pra ver? Nesse hotel também tem piscina, lavanderia, uma academia básica, porém digna e um tipo de lan house com três pcs que qualquer hóspede pode usar. Parece meio inútil em tempos de tablet e celular, mas pode ajudar, principalmente se você é obrigado a imprimir um cupom de desconto pra qualquer coisa. Também é tranqüilo receber encomendas pelo correio lá! Disseram que tinha uma taxa pra cada pacote recebido, mas nem nos cobraram.

Espero que tenham curtido as primeiras dicas sobre Orlando! Quem tiver qualquer dúvida, é só deixar aí nos comentários que ficarei feliz em ajudar. ;)

Comentários
1 Comentários

Um comentário:

  1. Quando fui pra lá, fiquei nesse All Star Movies. AMEI. Tudo perfeito do começo ao fim mesmo. Não tem como ir para Disney e não pensar em ficar nesses hotéis. :) E o preço é ótimo! - Mari

    ResponderExcluir