terça-feira, 15 de março de 2011

Escolhendo: Tablets, netbooks e notebooks (parte I)

O post de hoje é uma colaboração especial do Marcelo (namoradon mimimi ♥), que sempre salva a pátria por aqui quando o assunto é computadores. Ele é técnico em informática, viciado em jogos pra PC e novas tecnologias desse universo.

Sou prova viva de que mesmo entendendo mais ou menos do assunto, um leigo pode ficar bem confuso quando tem que escolher a sua ferramenta de informática. Tablets, netbooks, notebooks ou desktops? Mac ou Pc? Será que você sabe exatamente do que precisa? Essas dicas podem te ajudar a descobrir e evitar uma compra frustrada ou um gasto desnecessário. O assunto é longo, por isso será dividido e postado separadamente, então fique ligado no blog para não perder nada.
Na hora de comprar um computador portátil, é necessário conhecer bem as necessidades que esse computador deve satisfazer e a renda que você tem disponível para essa compra. Vale lembrar que juros de parcelamento de computadores são, às vezes, bastante altos, e a tecnologia se desenvolve rapidamente. Ou seja, comprando algo parcelado em mais de 3 vezes, até você acabar de pagar, já foi lançado um modelo novo, e por ter pago juros, você pagou o preço do modelo novo. Fraco né?
Para ajudar na escolha de uma máquina, o post foi preparado com uma lista de modelos recomendados, separados por necessidade e faixa de preço, com explicações resumidas de suas funções para que você possa descobrir se elas te atendem.
Lembre-se que, apesar de os preços e modelos variarem com o tempo, e nisso, a lista ser um pouco temporária, o importante são as dicas principais, as observações sobre peças, e a definição de “quem precisa do quê”. Para mais informações, mande sua pergunta para o e-mail do blog e eu responderei assim que puder. Começaremos pelas maquinas mais portáteis:
Netbooks - Maiores, mais baratos, mais pesados (entre R$800 e R$1300, em torno de 1,3kg).
Tablets - Muito menores, mais caros, mais leves (entre R$1200 e R$2600, menos de 800 gramas).

Netbooks:
Abaixo de R$1300, os aparelhos móveis disponíveis são os netbooks. Para quem não conhece, são computadores bem menores que os notes, pesando menos de 1,4kg e tendo sua tela entre 7 e 13". Extremamente pequeno e leve, sua função é basicamente navegação na internet e uso de programas simples, como Word, Excel e Powerpoint, além de vídeo-conferência (pelo MSN, Skype etc).
Em geral, são maquinas com baterias de pouca duração, em torno de 1h30, 2h30, e de baixa potência. Por outro lado, são bastante econômicos e portáteis, podendo ser carregados em mochilas ou até mesmo em bolsas de ombro, sem causar problemas de coluna. Ideal para quem quer ter um ponto de acesso a internet e aos seus documentos pessoais sem precisar gastar muito nem carregar peso. Vale lembrar que eles não possuem leitor de CD ou DVD, então se você quiser instalar algum programa extra, ele precisa ser baixado da internet ou transferido de um pen-drive ou HD externo.

Antes de começarmos a mostrar os modelos, os fatos a se preocupar:

Bateria - Podem ser de dois tipos, 3 ou 6 células. A de 3 células tem bem pouca duração (algo em torno de 2h) enquanto a de 6 pode durar ate 5h. Vale a pena procurar a certa né?
RAM - É a memória usada no momento de rodar os programas, ao contrário do HD, que é onde tudo fica armazenado permanentemente. Os nets podem vir com 1 ou 2 GB e isso representa pouca ou nenhuma diferença de preço, então se preocupe sempre em encontrar o de 2.
Processador - Os nets tem alguma diferença de capacidade de rodar as coisas bem, e o motivo está aqui. Processadores da AMD são fracos nesses pcs, então procure um Intel (Atom) de numero 450 ou maior.
Tamanho da tela - Isso é bem pessoal. A maioria tem 10", mas se você não se incomoda com pouco espaço, existem modelos menores. Obviamente, quanto menor a tela, menor o aparelho em geral.
Sistema Operacional - A maioria dos netbooks vem com o Windows Starter, feito exatamente para pcs de pouca capacidade. No entanto, alguns vem com Linux, que tem uma interface completamente diferente. A menos que você saiba usar Linux ou tenha alguém para providenciar um versão “personalizada” do Windows, procure sempre o Windows já instalado.
 
Dentre os mais baratos existe esse da Microboard, marca de razoável confiabilidade, por R$819,00 na Saraiva. Com 2 GB de RAM e processador 450, ele vai fazer tudo que um bom net fará e seu HD de 320GB é maior que de muitos que costumam vir com 250GB:

Netbook Microboard Slim Preto Intel® Atom™ Tela 10.1" 2gb Hd 320gb Office 2010 Windows 7

Gastando um pouco mais você pode se dar ao luxo de escolher marcas de maior confiabilidade e que usam materiais de mais qualidade, aumentando a durabilidade e eliminando os “cracks” ao abrir e fechar, como a HP ou a LG. Esse da HP possui uma garantia de fábrica mais confiável, sua bateria é de 6 células e o processador é levemente mais poderoso. À venda no Carrefour por R$1299,00:

Netbook 10,1" HP Mini 110-3150BR com Intel Atom N455, 2 GB, HD 320 GB, Windows 7 Starter

 Enquanto acabando de escrever esse post, recebi um e-mail anunciando o lançamento da Dell: um hibrido de netbook e tablet. Como é possível que ele se posicione das duas formas? A tela dele gira. Veja só!
Dell Inspiron Duo

E ele tem mais um truque: um dock para posicioná-lo em diagonal que possui uma saída de som melhor, tornando-o ótimo para assistir filmes. Está à venda no site da Dell por R$1899 (sem o dock) e R$2299 (com o dock). Mais caro que os outros netbooks, ele também tem peças mais poderosas como uma tela de 10” que exibe em FULL HD, memória RAM ainda mais rápida que a da HP e processador dual core. O que o impede de ser tao portátil quanto os tablets (que você verá mais a frente no post) é seu peso: 1.7kg, impossível de suportar com apenas uma mão por muito tempo. Além disso, o ângulo de visão do seu display é reduzido, só se enxerga direito se ele estiver bem paralelo aos olhos, ou as cores começam a ficar distorcidas. No fim das contas, talvez você queira achá-lo numa loja física e manuseá-lo um pouco antes de decidir se é uma boa compra.

Se você quer a maior potência que uma máquina desse tamanho pode oferecer, existe o "netbook" da Apple. Sim, ele vai nessa parte do post, de super-portabilidade, mas não se enquadra como um netbook comum e explico porque.
Macbook Air de 11,6"
O MacBook Air tem duas versões, mas a que se encaixa nesse momento para comparação é a de 11,6", porque esse é o tamanho exato da tela no netbook Philco, por exemplo, e o Air é bem mais portátil que ele. Custa, no mínimo, R$3000,00 e é por isso que se apresenta como algo diferente dos outros nets, rodando todos os sites mais pesados, vídeos em HD e até jogos recentes como Crysis (nos detalhes gráficos baixos ou médios, claro), o que diz muito sobre sua potência mesmo que você não seja um gamer:

• Tem um HD SSD (disponível apenas em 64 ou 128GB, porém mais rápido que HDs comuns), 4GB de RAM, um processador principal e de vídeo muito mais potentes.
• Pesa apenas 1kg enquanto similares pesam em torno de 1.3.
• Roda o MAC OS, um sistema operacional bem diferente e que roda alguns programas com mais leveza e rapidez que o Windows.

Tablets:
Os Tablets são uma nova forma de portabilidade, um meio termo entre os netbooks e os smartphones. Existem centenas de modelos para compra fora do Brasil, mas aqui chegaram somente os de maior destaque: o iPad I da Apple e o Galaxy Tab da Samsung.
O Galaxy Tab é uma versão maior e mais versátil de um smartphone. Ele faz chamadas 3G, tem uma câmera traseira de 3.2MP, grava vídeos, manda SMS e o escambau. Sua vantagem é, por incrível que pareça, seu tamanho: pesando 380 gramas e com 7" de tela, o dobro da maioria dos smartphones, ele é muito mais confortável para navegar na internet ou ler livros e tem um numero razoável de aplicativos, como jogos e editores de texto. Ele conta com um teclado virtual, mas a tela não é grande o suficiente para tornar a digitação confortável por mais que alguns minutos. Custa R$1.999 na maioria das lojas, exceto em operadoras de celular, onde você consegue descontos por atrelá-lo a um plano pós-pago.
O iPad I tem uma proposta bem diferente. Ele NÃO faz vídeo-chamadas (por não ter uma câmera frontal), ele NÃO faz ligações (portanto, não substitui seu celular). Por outro lado ele coloca à sua disposição inúmeros aplicativos da App Store (como o Pages, o Numbers e o Keynote), possui 10" de tela e dois acessórios importantíssimos que facilitam a digitação: um teclado externo e uma case, que o tornam uma excelente ferramenta de escritório. Com a case você pode posicioná-lo de forma não-paralela à mesa, tornando o uso do teclado virtual mais confortável. O teclado físico é super fino e se dobra em três para facilitar o transporte.
Na primeira foto, o acessório teclado (vendido separadamente por R$250 na maioria das lojas) e nas três fotos de baixo você pode ver múltiplas formas de aproveitar a case.
O seu preço varia entre R$1249,00 e R$2300,00, de acordo com o espaço no HD (que pode ser de 16, 32 ou 64GB) e com o recurso de conexão 3G (que permite conectar-se de forma rápida a internet em lugares sem conexão wireless disponível).

IMPORTANTE!
Ambos esses tablets são da primeira geração. A segunda geração começou a ser lançada nos EUA esse mês e promete modelos de infinitas marcas, aparências, características e preços.
Por exemplo, a Samsung vai lançar o Galaxy Tab 10, do tamanho do iPad. Outras empresas de celular, como a Motorola, também estão lançando seus modelos. A Asus tem algumas surpresas, como dois tablets que viram netbooks: um no qual o teclado fica guardado atrás e desliza para a frente, outro no qual o teclado encaixa e desencaixa completamente. A Apple já lançou no dia 11 de Março, nos EUA, o iPad 2, muito mais potente, leve e com câmera frontal para vídeo-chamadas, mas ainda sem previsão de chegada ao Brasil. Fica a seu critério: comprar modelos econômicos agora que os da primeira geração estão caindo de preço meteoricamente ou esperar um pouco mais e comprar da segunda geração.
Lembre-se: nem sempre o mais caro é o melhor e o barato pode sair caro. Fazer uma compra consciente demanda muita pesquisa e reflexão. Não se deixe levar pelo que dizem ser cool. A sua compra tem que ser cool para você. Se as alternativas de hoje não se encaixaram na sua busca, aguarde a 2ª parte com dicas para quem procura um computador maior e com mais recursos.

Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. Ei Jana, Acabei de ganhar um netbook rosa da Sanmsung. Adorei o post!

    Olha sí, passei aqui pra avisar que a Mary kay está no Peixe Urbano nesse fim de semnana, promoção imperdível! Dá uma olhada e manda para as amigas! Todo mundo vai amar!!!
    http://www.peixeurbano.com.br/salvador


    Bjão!

    ResponderExcluir
  2. Sou uma pessoa que posso dizer não ser leigo no assunto.

    Realmente ficou bem instrutivo o post para as pessoas que se perdem no assunto.

    ResponderExcluir